Blog Diário do Marcos!!!

Blog pessoal de Marcos!!! > Sou eu! kospksa

Assinei o Netflix… Vamos falar sobre streaming de vídeos… [BÔNUS: Mini “crítica” sobre o filme “The Object of My Affection”]

Eu tenho TV por assinatura… E vamos combinar que é quase sempre um saco. Repete os filmes mais que a Record com Todo Mundo Odeia o Cris… Ok, nem tanto, mas ta quase lá.

E então a internet se tornando cada vez mais popular e cada vez mais rápida (lembra da época da internet discada? Oh tristeza. Mas, oh que saudade. ksoapksa), abriu novas possibilidades para os usuários. Baixar arquivos com mais facilidade (olá pirataria), ouvir músicas sem precisar baixa-las, bate-papo com seu (sua) amigo (a) do outro lado do mundo via webcam, etc, etc, etc, e se pode tudo isso, por que não assistir a filmes online? E é desse assunto que vamos tratar hoje.

Acho que o Netflix não foi o primeiro streaming de filmes disponível no mercado, mas sem dúvida é o mais famoso. E ele desembarcou a aproximadamente 1 ano atrás aqui no Brasil. O catalogo de filmes ainda é relativamente pequena (comparando com a sua versão americana ou os concorrentes aqui do Brasil mesmo, como o NetMovies). Mas se você não é assinante de nenhum desses serviços, você não sabe o quão bom poder assistir a filmes a hora que você quiser e quantos quiser por um valor justo.

Principalmente quando tem 1 mês grátis... ksopaks

Principalmente quando tem 1 mês grátis… ksopaks

Pode falar a vontade mas poder pagar apenas 14 reais mensais pra poder assistir a aproximadamente 1700 filmes disponíveis no catalogo do Netflix a hora que você quiser é algo que pode ser considerado de outro mundo. Só precisa de um computador (ou qualquer um dos outros aparelhos aceitos) e internet veloz (acima de 1Mb por favor.) e cartão de crédito (pelo menos por enquanto, é a única forma de assinar ao Netflix). Você ainda ganha 1 mês de graça pra testar o serviço.

É um caminho difícil, só olhar pra onde estamos, é o Brasil. Aqui a maioria das pessoas que tem internet em casa está abaixo da velocidade recomendada para assistir, tem o governo com suas taxas absurdas, e as empresas e agora tem a Ancine que quer cobrar 3.000 (ou 5.000, não lembro, sorry) reais por CADA filme que o serviço tiver em seu acervo. O que segundo li, daria uns 21 milhões de reais para que o Netflix pagar para deixar os filmes e séries atuais disponíveis…

Segundo a Ancine esse dinheiro é para financiar as produções nacionais. QUE PRODUÇÕES NACIONAIS? Tirando alguns casos que, felizmente, não se enquadram nisso, a maioria dos filmes produzidos são umas grandes porcarias. Desculpem. Eu gosto do meu pais, gosto de dar a chance das pessoas tentarem fazer o que acham que vai funcionar, mas tem tanta coisa que deixa de lado para que outras coisas sem nexo sejam lançadas só porque tem um apelo maior do que os outros… Se fosse usar esse dinheiro para os motivos certos eu apoiaria… Não, ainda não apoiaria esse abuso… Mas faria mais sentido cobrar… Mas nós sabemos que o dinheiro vai ser usado pra financiar aqueles filmes que tem os atores mais cotados do Brasil (que nem sempre significa que são os melhor atores :P)… rsrs

Voltando ao assunto, que eu até cheguei a perder o fim da meada…

Acho não, tenho certeza. Essas opções fazem diminuir a incidência de pirataria. Pagar 15 reais mensais por vários filmes e séries a hora que quiser sem precisar baixar nada? Eu não digo que vai acabar a pirataria, mas muito provavelmente diminui-la. A Ancine não está percebendo que com esse valor alto a ser cobrado das empresas de streaming de vídeo, vai fazer aumentar o valor de suas mensalidades e consequentemente acabar com o que está sendo construído e voltando a “estaca zero” em relação a pirataria.

Bom. Ainda temos muito caminho a percorrer. O serviço que me foquei (Netflix) é novo aqui no pais, só tem 1 ano de vida, tem um catalogo relativamente pequeno (mas que está aumentando e já está confirmado várias outras novidades legais pelo que eu vi por ai!), mas tem um ótimo apelo e ótimas características que são bem chamativas.

Veremos o que vai sair dai.

BÔNUS > Crítica do filme “The Objection of My Affection”…

Não é bem uma crítica, são apenas comentários de um apenas apreciador de filmes. Então não esperem muita coisa. Coloquei crítica no título só pra ficar mais chique, sabe como é né? ksopaksopa. ;D

OBS: Parte dessa crítica eu escrevi para por nos comentários do Netflix sobre o filme em questão.

É um ótimo filme pra passar algumas horas que não há nada pra fazer. Me diverti bastante. Não trata muito do preconceito contra homossexuais. E eu gostei disso. Algumas vezes cansa ir assistir a um filme que tem um pouco dessa temática, porque já vem na sua cabeça que vai ter um, ou vários, momentos filosóficos sobre esse assunto. E não vamos esquecer das cenas de violência a gays. E é algo que não acontece nesse filme. É um filme digno de Sessão da Tarde… Se a emissora não tivesse tantos problemas com gays, não é mesmo?

Anúncios

outubro 15, 2012 - Posted by | Comenta T.M., Momento No Stress | , , , ,

1 Comentário »


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: